Nós…

Nós…

Renascemos nas palavras a cada dia,
Reinventamos novas ordens e magia,
Vestimos agora de nova cada ideia,
Fazemos crescer reacções em cadeia!

Reinventamos a escrita na resenha,
Nascemos, crescemos unidos na senha,
Palavra rescrita na vida pela vida,
Publicada, republicada a cada visita!

Textos, poemas, card´s, resenhas, cronicas,
Desenhos, imagens, sons, formas bucólicas,
Unidos num sentido, a palavra nosso umbigo,
Das letras perdidas assim unidas um sentido!

Unidos num projecto, nascido da vontade,
Muitas, diversas origens, uma verdade,
A cada dia reinventamos, a ideia, o pensamento,
Moldamos, redesenhamos, o aberto firmamento,
Propagado no poder, de continuar a escrever,
Sem nada vir a ganhar, ou culturalmente perder!

Alberto Cuddel®

22/12/2015

Nós

Nós…

Nós e todos os outros antes de nós
E todos os outros que virão depois
E que farão de nós o que outros foram…
Seremos muitos e mais, e seremos o colectivo…

E de todos os outros de quem nem se lembra a existência
Grãos de areias que não reza a história da nossa humanidade
Todos eles pais e mães da nossa pátria terrena
Todos eles essência da existência…

Há nos caminhos percorridos
Um percurso de sangue
Uma mescla de ADN
Uma raça humana que guerreia
Entre a morte e a saudade…

Porque de nós e de outros como nós
Se faz uma história…

Alberto Cuddel
16/11/2020
18:00
Poética da demência assíncrona…

Powered by WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: