Desbloqueia-me…

Desbloqueia-me…

faça-se em mim a tua vontade, o teu querer…

desbloqueia-me todos os bloqueios
desinibe-me, conserta-me a alma
recolhe-me nos teus braços e ama-me!

ardem no leito as febres estivais
recolhe-se do mundo a luz do desejo
resgata-me de esse querer suburbano
faz-me desaguar nos teus seios
faz-me pai de todos os teus filhos

que todo o meu corpo migre para ti
nesta alma louca que voa nas tuas asas
e saberás o que é “foder” na poesia,
sentir os orgasmos de todas as noites
de todas as auroras, todas as manhas!
nunca mais o meu amor,
morrerás longe dos meus braços,
tal como nenhuma das minhas mortes
será em vão…

desbloqueia-me a esperança do sentir
desse êxtase eterno do amanhã
que se anuncie em mim o teu desejo
que o mundo conspire em segredo
fantasias do sonho caladas por medo
e se faça em nós segundo a nossa vontade…

e que todo o mundo lá fora se foda…

desbloqueia-me…

Tiago Paixão
07/06/2022

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Website Powered by WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers gostam disto: