Às vezes pequenos gestos de amor

Às vezes pequenos gestos de amor

Em todas as ânsias do corpo
Em todo o sexo entregue por prazer
Em todas as vontades e beijos
Às vezes pequenos gestos de amor…

Às vezes em pequenos gestos lês amor
No abdicar do prazer em favor do teu
No elevar da libido ao desejo supremo
Ainda que nada aconteça além do cansaço…

Às vezes pequenos gestos de amor
No respeito pelas vontades
Na alucinante crença
Amanha é apenas a consequência de hoje

Num simples acto de te deixar dormir
Enquanto após o orgasmo te abraço…
No acto de acordar todas as manhãs
Apenas contigo ao meu lado…

No pequeno-almoço oferecido
No duche partilhado, no apanhar da roupa
Dos beijos do despertar
No querer e no ficar…
O estar e a certeza que mesmo partindo…
Voltará e continuará Amar.

Tiago Paixão

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Powered by WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: