Sabes o número de vezes que disse não?

Sabes o número de vezes que disse não?

Nessa busca da verdade em monossílabos,
não encontro paralelo com os rios que me brotam do ser,
pelas ruas esconsas desta noite que me abraça
procuro respostas onde apenas existem interrogações…

Nessa gaivota que paira sobre o mar
não há segredo, apenas vento, apenas medo
nos rostos dos seres invisíveis que habitam as águas
esse esperam o “não”, o “não” que seja agora
prolongando o momento eterno de um “agora”…

Nesses “nãos” que são afirmativos na intenção
há intenções robustas e firmes
outra tão frágeis e ténues, como ténue é a luz no crepúsculo,
não é a noite que me abraça, mas a luz que me abandona…
o número de vezes que disse não é irrelevante
válida é a força com que ele se manteve…

Alberto Cuddel
15/01/2019

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Powered by WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: