Um dia assim me escrevi…

Um dia assim me escrevi…

EU,
Sou um nem alto nem baixo,
Um pouco forte para a estatura,
Ou largo em relação há altura,
Cabelo curto um pouco grisalho,
Barba por desfazer, pois dá trabalho,
Olhos verdes cansados da luz,
Nariz achatado um pouco africano,
Pele já gasta por pouco cuidado,
Calças de ganga já gasta do tempo,
Camisa cinzenta, escondida por dentro,
Camisola de lã aconchegando anafado corpo,
Ténis de corrida não vá dar para o torto,
Assim estou, trabalhando sozinho até de manhã,
Na noite que corre vagarosamente em plena corrida,
Ponteiros que se recusam em dar a partida,
Para que o tempo que falta passe a correr,
Assim estou eu sem vontade de escrever,
Pedem-me que diga como sou de verdade,
Mas assim sou eu um poeta, um nada uma nulidade!

A. Alberto Sousa

2 thoughts on “Um dia assim me escrevi…

Add yours

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Powered by WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: