Poema do dia 24/01/2018

Poema do dia 24/01/2018

Carrego atrás do peito dorido
Um coração dilacerado, partido,
Alicerçado em desilusões, ontem…

Nesta linha que me atravessa a alma
Preciso de vós, de uma mão amiga
De um olhar, de um ombro de apoio
Preciso de ti pai,
Preciso de ti mãe…

Olho o amanhã com a vossa força
Na vossa terna esperança, compreensão
Lá longe onde a terra toca o céu
Onde o sol se ergue alimentando os sonhos
Lá longe está o amanhã, e o teu rosto
Que ainda hoje desconheço
Lá longe, onde se dividem os dias das noites
Está o futuro, esse que convosco sonho…

Tanto atravessar, tanto aprender
Tantas dificuldades, tanto desespero
E das vossas mãos ainda preciso, para caminhar…

Abaixo de mim, do que penso e do que sou
Estão todas as vidas, casas, janelas perdidas
Numa realidade que me chama, que me seduz
Eu… Que ainda ouso sonhar uma vida…

Alberto Cuddel
24/01/2018
15:45
#poemadodia

Foto by: Vasco Rafael

Poema escrito para uma foto do Filho com 15 anos!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Powered by WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: