​Querer, mesmo que não… 

Querer, mesmo que não…

Nas tuas volúpias e ânsias
Nos desejos absolutos
Na pressa de ser carne
De ser beijo, toque, vontade
Conduzes-me por caminhos
Por loucos desígnios
Elevando-me a lívido…

Tu… Sedutoramente
Apenas mulher…

Liberta, livre
Sem pudores
Sem amarras
Tudo é desejo
Tudo é prazer
Tudo é intenso…

As mãos que percorrem corpos
Os lábios que contornam
Que criam movimentos
Que deslizam, que sobem
Que descem…
Línguas incompreensíveis
Quentes e ávidas…

E eu?
Pecaminosamente
Sigo-te…

Tiago Paixão
09/08/2017
19:20

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

Powered by WordPress.com.

EM CIMA ↑

%d bloggers like this: